quinta-feira, 20 de março de 2014

Juniores : UD Leiria foi feliz na conquista da primeira vitória no campeonato

Campo da Mata, Santa Eufémia
Árbitro: André Gralha (Santarém). Auxiliares: Pedro Sousa e Manuel Mendes.
Espectadores: 100. 
.
UDLeiria 1
João Pedro; Zé Rodrigues, Benny (c), Sandro, André, Fred (Rui Rodrigues, 80 min.), David Gonzalez, Zacaria (Ruben, 55 min.), Tito, Afonso, Carlos Oliveira (Madruga, 80 min.). Não jogaram: Duarte, Denis, Marcelo, Luiz.
Treinador: Tiago Vicente.
.
Vit. Guimarães 0
Miguel Palha, Joel, Rogério, Tiago Marques, Pedro Campos, Júnior (c), Cláudio Ribeiro, Tiago Castro (Pechelim, 89 min.), Vigário, Helinho (Pedro Alves, 68 min.), André Martins (Cláudio Mateus, int.). Não jogaram: Miguel, Dani, Henrique, João Novais.
Treinador: Luís Castro.
.
Ao intervalo: 1-0. 
Golos: David Gonzalez (13 min.).
Acção disciplinar: Amarelo a Zé Rodrigues (14), André Martins (16), Carlos Oliveira (34), Júnior (36), Fred (42), Helinho (61), Tito (63), David Gonzalez (73), Sandro (77), Ruben (78), Pedro Alves (83), Tiago Marques (90+2).
.
A UD Leiria alcançou a primeira vitória da fase final na recepção ao Vit. Guimarães com um triunfo suado por 1-0, com David Gonzalez a ser a figura do jogo ao marcar o único golo de uma partida que colocou frente-a-frente os dois últimos classificados da tabela.
Num jogo aberto, repartido e com oportunidades para ambos os conjuntos, foi a UD Leiria a entrar melhor num lance que começou com Zé Rodrigues a atirar uma bola à barra e, na recarga, o espanhol David Gonzalez atirou cruzado para o 1-0. 
Em desvantagem, os vimaranenses foram à procura da igualdade com João Vigário a dispôr de uma excelente oportunidade, mas o ainda juvenil João Pedro realizou uma grande intervenção, negando o golo.
Assim terminou uma primeira parte entretida, mas com poucas oportunidades de golo, em que os leirienses agarraram-se à sua eficácia para estar em vantagem.
Vit. Guimarães desperdiça grande penalidade 
no segundo tempo
No segundo tempo, a toada do jogo manteve-se com ambas as equipas a jogarem de forma agressiva, o que levou o árbitro André Gralha a puxar várias vezes do cartão amarelo. A primeira equipa a criar perigo foi o Vit. Guimarães e logo em duas ocasiões com João Vigário a mostrar-se perdulário, muito por culpa também de um guarda-redes leiriense bastante inspirado.
Do outro lado, foi o avançado Carlos Oliveira o jogador mais inconformado, sendo sempre uma ameaça à baliza de Miguel Palha e protagonizou uma excelente jogada individual, mas após ultrapassar vários adversários, rematou ao lado.
Num jogo de parada e resposta, coube ao Vitória nova situação soberana na sequência de um cruzamento de Joel, em que João Vigário falhou a emenda de forma incrível para desespero dos seus colegas. E se o desespero já era grande nas hostes vimaranenses, pior ficou quando Júnior falhou a conversão de uma grande penalidade a castigar falta de Rúben dentro da área. O capitão do Vit. Guimarães atirou forte, mas muito por cima.
Com a vitória no 'bolso', a UD Leiria esteve perto de voltar a marcar já perto do apito final num contra-ataque rápido em que Rui Rodrigues desperdiçou.
Triunfo da UD Leiria que acaba por se aceitar apesar de algumas das melhores oportunidades de golo terem pertencido ao Vit. Guimarães. 
Desta vez, os jogadores leirienses foram felizes e eficazes e isso valeu três pontos para a turma de Tiago Vicente num jogo com trabalho positivo do árbitro André Gralha.

Texto : José Roque (Diário de Leiria)

Sem comentários:

Enviar um comentário